aliens

O Futuro dos Livros - MIT desenvolve livro que reproduz sentimentos dos personagens na pele do leitor [Vídeo]

Um dos maiores nomes da literatura, o escritor Oscar Wilde, conhecido por suas frases espirituosas, já dizia que “Não existem livros morais ou imorais. Os livros são bem ou mal escritos.” Talvez, num futuro próximo, somente interpretar o texto não será mais suficiente para uma boa leitura no que depender da tecnologia. A ideia é que você também sinta na pele os sentimentos dos personagens ao longo da história, por meio de um livro que pode ser, digamos, vestido. 
 
O Futuro dos Livros | Notícias | The History ChannelO projeto, chamado de Ficção Sensorial, foi desenvolvido por pesquisadores do Laboratório de Mídia do MIT (Massachusetts Institute of Technology), nos EUA. Trata-se de um livro, com um tamanho maior do que o comum, que é repleto de sensores conectados a um tipo de colete que você deverá usar durante a leitura. Assim que você vai lendo o livro, o dispositivo produz sensações físicas de acordo com o que se passa com os personagens.
 
Se o personagem está deprimido, luzes de LED na capa do livro irão se ajustar para criar uma iluminação que corresponda a este “estado de espírito”. Se o protagonista sentir medo, prepare-se: a roupa vai se contrair e você será apertado. Envergonhado? O dispositivo vai esquentar e alterar a temperatura da sua pele. Os cientistas não são os únicos a brincar com novas possibilidades para a leitura. A Disney já testou obras de realidade aumentada, em que imagens digitais interagem com objetos palpáveis, trazendo livros para a “vida” de um modo que mistura o físico com o virtual. A grande pergunta, no entanto, é: será que a tecnologia será capaz de um dia salvar um livro mal escrito?
 
 
 
Veja também
 
 
Fonte: Motherboard