Antigo Egito

Múmia egípcia de 3.800 anos é encontrada praticamente intacta

Arqueologistas acreditam que a múmia é do governador da ilha Elefantina, que viveu durante o reinado de Amenemés II. 

Vídeo relacionado:
Um túmulo egípcio de aproximadamente 3.800 anos foi descoberto recentemente no Vale dos Príncipes, no Egito. No seu interior, foi encontrada, além de objetos ritualísticos e máscaras fúnebres, uma múmia em excelente estado de conservação.

Membros da missão arqueológica da Espanha, que se encontram na cidade de Assuã, acreditam que o túmulo tenha pertencido a Shemai, governador da ilha Elefantina no reinado do faraó Amenemés II. Os hieróglifos presentes no sarcófago também indicam que ele seria filho de Satethotep e Khema e irmão de Sarenput II, um dos soberanos mais famosos da dinastia dos faraós.

O túmulo permaneceu intacto por quase quatro milênios, enterrado no vale de Qubbet el-Hawa, região sepulcral do Antigo Império Egípcio. Os objetos encontrados serão estudados por arqueólogos e especialistas em egiptologia antes de serem expostos no museu local.


Fonte: Gizmodo
Imagem: Ministry of Antiquities وزارة الآثار