Agora
TRATO FEITO
17H55
TRATO FEITO
18H20
TRATO FEITO
Todos os horários
PABLO ESCOBAR

Ex-agentes da CIA encontram submarino que pode dar pistas sobre fortuna de Pablo Escobar

Ex-agentes da Agência Central de Inteligência dos Estados Unidos (CIA) encontraram, no litoral da Colômbia, um dos submarinos utilizados pelo chefe do narcotráfico Pablo Escobar para transportar droga aos Estados Unidos. A descoberta pode ser uma pista para descobrir onde o traficante escondeu parte de sua fortuna bilionária.

Vídeo relacionado:

Durante as décadas 1970 e 1980, estima-se que Escobar traficava cerca de 15 toneladas por dia de cocaína aos Estados Unidos. Boa parte da droga era enviada em submarinos que iam da Colômbia até Porto Rico, onde era distribuída. De acordo com a revista Forbes, o Cartel de Medellín, chefiado pelo traficante, chegava a faturar 22 bilhões de dólares por ano.

Segundo o site El Comercio, os ex-agentes do órgão Doug Laux e Ben Smith foram até o litoral da Colômbia para mergulhar nas profundezas do mar e buscar os restos da embarcação. Eles foram questionados sobre o que havia no interior do submarino, pois se acreditava que ali poderia estar escondida uma fortuna de quase 50 bilhões de dólares. Porém, Laux e Smith responderam que não havia absolutamente nada de valor na embarcação, nem dinheiro, nem joias e nem mesmo drogas.

Um dos mergulhadores que auxiliou na busca do submarino confirmou a declaração dos ex-agentes e afirmou que a única coisa que encontraram foi uma caixa de metal que pode ser "uma bateria de um bote". Doug Laux e Ben Smith mencionaram que existe uma probabilidade que objetos e partes do submarino tenham sido deslocados devido às mudanças no relevo, mas não perderam a esperança de encontrar o tesouro pertencente ao "Patrão do Mal".

O chefe do cartel de Medellín foi morto em 2 de dezembro de 1993.

Fonte: LATRIBUNA.HN

Imagem: Montagem com fotos Polícia Nacional da Colômbia [Domínio Público], via Wikimedia Commons e Shutterstock.