POLÍTICA

Catalunha proclama sua independência

O parlamento catalão declarou sua independência após uma votação que contabilizou 70 votos a favor, 10 contra e 2 em branco. O texto sancionado cita em uma de suas seções: “Constituímos a República Catalã como Estado independente e soberano, de direito, democrático e social”.

Durante o plebiscito, a presidente da Câmara, Carme Forcadell, advertiu seus representantes sobre os riscos legais que a decisão poderá acarretar. Quase imediatamente, o Senado de Madri colocou em vigência o artigo 155 da constituição espanhola, com o objetivo de conter a medida separatista.

 

A votação foi secreta por consenso dos parlamentares, a fim de obter certa proteção diante das possíveis consequências legais da ação. Além disso, Carles Puidgemont, presidente da Generalitat, presente durante a votação, se absteve de emitir qualquer comentário.

 

Mariano Rajoy afirmou que “a declaração de independência vai contra a lei e é um ato criminoso”.

 


Fonte: infobae.com