Todos os horários
Antigo Egito

Arqueólogos encontram uma dúzia de sarcófagos em tumbas diferentes no Egito

O Egito é uma fonte inesgotável de tesouros arqueológicos. Em um período de uma semana, foram encontrados em diferentes localidades do país ao menos doze sarcófagos. A maioria deles continha múmias bem preservadas.

Vídeo relacionado:

Escavações em uma necrópole no sítio arqueológico de Dahshur revelaram oito sarcófagos de calcário, cada um coberto por uma camada de gesso pintado. Eles foram encontrados na área a sudeste da Pirâmide Branca de Amenemhat II. Todos as peças abrigam múmias e foram datadas do Período Tardio do Egito Antigo (664-332 a.C.). 

Outros dois sarcófagos extremamente bem preservados foram encontrados na necrópole de El-Assasif, na cidade de Luxor. Um deles contém a múmia de um mulher identificada por uma inscrição como “Pouyou” ou “Pouya”. Arqueólogos acreditam que a peça seja da época da 18ª Dinastia (1549 / 1550-1292 a.C.). O outro sarcófago não tem nenhum tipo de identificação e remonta à 17ª dinastia (1580-1550 a.C.).

Em um outro local perto de El-Assasif foram encontradas duas tumbas. Em uma delas havia vários corpos que aparentam ser de um casal e seus filhos. Na outra tumba havia dois sarcófagos de madeira, ambos contendo inscrições de identificação. Um deles pertencia a "B-D-East" filho "Nes-ba-Ruti" e o outro guardava os restos mortais de uma mulher chamada "Nes-Mut-Ankh".


Fonte: IFLScience

Imagem: Ministério das Antiguidades do Egito