EXPLORAÇÃO ESPACIAL

Aproveite enquanto há tempo: satélite russo será a estrela mais brilhante no céu

Artefato ultraluminoso deve ficar visível até meados de agosto! 

Vídeo relacionado:
Um grupo de cientistas da Agência Espacial Federal Russa colocou em órbita, no mês passado, um pequeno satélite que tem se tornado “a estrela mais brilhante dos céus”. O artefato espacial, chamado Mayak (farol), solta velas de alumínio refletor com 16 m², que o transforma no objeto mais brilhante do céu noturno, sendo superado apenas pela Lua.

O satélite orbitará a Terra por um mês e já está disponível um app que permite ao usuário acompanhar sua trajetória. 

O Mayak foi projetado por estudantes do Instituto Politécnico de Moscou e desenvolvido por meio de plataformas de financiamento coletivo. Trata-se de um satélite com apenas 3,6 kg e que ilumina outros satélites para calcular sua dimensão aparente. Uma vez cumprida sua função, ele será utilizado para testar um novo sistema de freio aerodinâmico de reentrada atmosférica.

Seus criadores declararam que o objetivo principal do projeto é estimular o interesse das gerações mais jovens na ciência.


Fonte: Gizmodo

Imagem: Phys.org