Hoje na história

07.set.1961

"Tio Sam" é nomeado progenitor do símbolo nacional norte-americano

O Tio Sam (Uncle Sam em inglês) é uma personificação nacional dos Estados Unidos que data da Guerra de 1812. Segundo o folclore popular, a origem do personagem se refere a um grupo de soldados que estavam ao norte de Nova Iorque, os quais receberam barris de carne com as iniciais U.S. (United Estates). Os soldados, como brincadeira, consideraram as iniciais como as do fornecedor de carne, Uncle Samuel Wilson, de Troy (Nova Iorque).

O Congresso dos Estados Unidos adotou a seguinte resolução no dia 07 de setembro de 1961: "Resolvido pelo Senado e pela Câmara de Representantes que o Congresso saúde Uncle Sam como o progenitor do símbolo nacional dos Estados Unidos, Tio Sam". Outras representações mais antigas dos Estados Unidos como a "Brother Jonathan" (Irmão Jonathan) foram superadas pelo "Tio Sam" por volta da Guerra Civil Norte-americana. Após a Guerra Civil, costeletas foram colocadas no Tio Sam como referência a Abraham Lincoln.

Hoje em dia, à exceção da Estátua da Liberdade, o personagem "Tio Sam" é provavelmente a personificação mais popular e reconhecida dos Estados Unidos.

 


Imagem: James Montgomery Flagg / Library of Congress [Domínio público], via Wikimedia Commons