Hoje na história

25.jul.2018

Morre Sergio Marchionne, ex-presidente da Fiat e da Ferrari

Sergio Marchionne, um dos maiores nomes da indústria automobilística, morreu em 25 de julho de 2018, aos 66 anos. O italiano fez história como presidente da Fiat Chrysler e da Ferrari. O executivo estava internado em uma clínica em Zurique, na Suíça.

Alguns dias antes deu sua morte, Marchionne havia deixado o comando da FCA (conglomerado que reúne as marcas Fiat, Jeep, Ram, Dodge, Alfa Romeo, Mopar e Chrysler) e da Ferrari. Ele havia sido afastado após sofrer complicações decorrentes de uma cirurgia no ombro. 

Marchionne foi uma figura marcante da indústria. Ele era presidente da Fiat quando comprou a Chrysler, evitando a falência da montadora. As duas companhias se fundiram em 2009. O executivo era conhecido como um grande líder.

Nascido em Chieti, na Itália, em 1952, Marchionne era considerado um forasteiro quando assumiu a Fiat, em 2004. Mesmo sem ter experiência no setor automobilístico, ele foi chamado para o conselho da empresa em 2003 por Umberto Agnelli, herdeiro da família fundadora da montadora. Em 14 anos, ele conseguiu tirar a empresa da crise, consolidando e expandindo a marca.


Imagem: International Students’ Committee, via Wikimedia Commons