Hoje na história

28.Jul.1938

Morre Maria Bonita, a primeira mulher cangaceira

No dia 28 de julho de 1938 morria, no interior do Sergipe, Maria Gomes de Oliveira, mais conhecida como Maria Bonita. Nascida no dia 8 de março de 1911, na atual cidade de Paulo Afonso, na Bahia, ela entrou para a história como a primeira mulher a participar de um grupo de cangaceiros e também foi a mulher de Virgulino Ferreira da Silva, o Lampião, conhecido como o "Rei do Cangaço". A relação durou oito anos, e o casal teve uma filha, Expedita Ferreira Nunes, que foi criada por um casal de amigos vaqueiros. Depois disso, Maria Bonita engravidou outras vezes, mas sofreu abortos ou os bebês morreram ainda pequenos. Maria Bonita morreu após ser degolada pela polícia. O mesmo aconteceu com Lampião e outros nove cangaceiros.

 


Imagem: Benjamin Abrahão Botto/ABr [Domínio público], via Wikimedia Commons